Sêneca

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Reddit 0 StumbleUpon 0 Pin It Share 0 LinkedIn 0 Email -- Buffer 0 0 Flares ×

Sêneca foi um dos importantes filósofos e intelectuais do Império Romano. Além disso, teve uma posição de destaque como orador, escritor, advogado e político.

De família nobre, Lúcio Aneu Sêneca (em latim, Lucius Annaeus Seneca), nasceu em Córdoba, atual Espanha, por volta de 4 a.C. e morreu em Roma, no ano 65 d.c.. Filho de Marco Aneu Sêneca (Sêneca, o Velho), um destacado orador, desde pequeno viveu em Roma, local onde estudou Filosofia e Oratória e, mais tarde, Direito. Ficou famoso pela influência que possuía, trabalhando no Senado Romano e, mais tarde, começou a palestrar, sendo um dos melhores oradores e intelectuais estoicos de Roma.

Morou também no Egito e permaneceu exilado em Córsega, na França, por ser julgado adúltero. Quando retornou a Roma, por volta do ano 49 d.c., aos 26 anos, decorrente de sua erudição e brilhantismo, foi escolhido para atuar como preceptor e conselheiro do Imperador Nero. Permaneceu na vida pública até o ano 62 d.C..

A despeito do conforto que conquistou, o filósofo sempre aderiu à simplicidade. Mesmo assim, foi acusado de planejar a morte do Imperador Nero (Conspiração de Pisão) sendo obrigado a cometer suicídio (cortou os pulsos).

Pensamento

Sêneca foi um filósofo, poeta e humanista que se ocupou de refletir e escrever sobre a alma, a existência humana, ética, lógica e natureza, do qual desenvolveu uma abordagem filosófica diferente daquela que vigorava no pensamento filosófico de Roma. Grande representante do Estoicismo (ética naturalista e lógica formal), propunha a igualdade entre os homens sendo avesso à escravidão e à distinção social.

Dessa forma, ele destacava a importância da fraternidade e do amor entre os homens como forma de amenizar as dores da existência, dada importância de ser resiliente em determinadas situações da vida. Sobre isso, escreve nas “Cartas a Lucílio”, um dos governadores da Sicília, Itália o texto intitulado “O Homem Perfeito”:

(…) O homem perfeito, possuidor da virtude, nunca se queixa da fortuna, nunca aceita os acontecimentos de mau humor, pelo contrário, convicto de ser um cidadão do universo, um soldado pronto a tudo, aceita as dificuldades como uma missão que lhes é confiada. Não se revolta ante as desgraças como se elas fossem um mal originado pelo azar, mas como uma tarefa de que ele é encarregado. «Suceda o que suceder», — diz ele — «o caso é comigo; por muito áspera e dura que seja a situação, tenho de dar o meu melhor!» Um homem que nunca se queixa dos seus males nem se lamenta do destino, temos forçosamente de julgá-lo um grande homem”.

Obras

Foi um dos grandes escritores e pensadores visionários da época, escreveu diversos tipos de textos, sobretudo diálogos, cartas e tragédias. Algumas de suas obras que se destacam:

  • Consolação a Márcia
  • Consolação a Políbio
  • De Ira: Estudo sobre as consequências e sobre o controle da ira
  • Do ócio
  • Sobre a brevidade da vida
  • Sobre a tranquilidade da alma
  • Sobre a Providência
  • A Vida Feliz
  • A Tranquilidade da Alma
  • Epístolas de Sêneca
  • A Constância do Sábio
  • Hércules furioso
  • As Troianas
  • As Fenícias
  • Medeia
  • Fedra
  • Édipo
  • Agamenon
  • Tiestes
  • Hércules no Eta

Frases

  • A religião é vista pelas pessoas comuns como verdadeira, pelos inteligentes como falsa, e pelos governantes como útil.”
  • Não é porque certas coisas são difíceis que nós não ousamos; é justamente porque não ousamos que tais coisas são difíceis.”
  • Quando a velhice chegar, aceita-a, ama-a. Ela é abundante em prazeres se souberes amá-la. Os anos que vão gradualmente declinando estão entre os mais doces da vida de um homem, Mesmo quando tenhas alcançado o limite extremo dos aos, estes ainda reservam prazeres.”
  • As coisas que nos assustam são em maior número do que as que efetivamente fazem mal, e afligimo-nos mais pelas aparências do que pelos fatos reais.”
  • Deus dotou o homem de uma boca e dois ouvidos para que ouça o dobro do que fala.”
  • É melhor ser desprezado por viver com simplicidade do que ser torturado por viver em permanente simulação.”
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...
%d blogueiros gostam disto: